Ela se jogou por aí

E então ela andou pela estrada, com o vento balançando em seus cabelos e com a música dos fones de ouvido estrondando seu ser. Ela andou por aí sem rumo, sem pensar em nada. Simplesmente porque queria desaparecer. A poesia com rima de uma frota, uma fugitiva que queria viver sem rotas que se jogou […]

Leia mais Ela se jogou por aí

Eu te prometo!

Aqui nesse banheiro, a porta está fechada para ninguém ouvir… Me olho no espelho na tentativa frustada de me consumir. A pessoa que vejo nesse espelho já não vive como eu esperava… Escrevo e reescrevo na tentativa de jogar para fora alguma palavra. Os anos vão passando e meus sentimentos não são capazes de acompanhar… […]

Leia mais Eu te prometo!

Subliminando o poema.

Eu nem sei porquê ainda escrevo… Uma palavra não muda o que estou vivendo. Não faz sentido rimar a dor! Ah se eu pudesse fazer algo a meu favor… O que está acontecendo comigo? A vida é tortuosa até quando estou dormindo. Gosto mesmo é do sono da tarde, Um sono tão profundo que nos […]

Leia mais Subliminando o poema.

Atenção!

Caros leitores o que vocês acham de um novo desafio que estou proponto: Quarta Poética Consiste em toda quarta-feira fazer a postagem de uma poesia. Fiquem atentos, todas quarta-feiras terá posts novos no blog.

Leia mais Atenção!

O mundo gira

Olha que engraçado a minha situação! Resolvi deixar de lado os interesseiros e hoje eles imploram a minha atenção. Dizem palavras belas e tentam me enganar com o papo da saudade… Eu ignoro e faço de surda, pena que não acharam beleza na minha maturidade. Quando eu estava aqui me jogaram para escanteio. Agora estou […]

Leia mais O mundo gira

No poço do fundo

Eu queria escrever um poema que dissese como estou me sentindo… Ironia seria escrever algo quando na verdade em cada refrão estou mentindo. Estou tão cansada e simultaneamente assustada; Me abraça forte e na pegada firme me salva dessa enxurrada. Estou com tanto medo!Eu precisava tanto de alguém para me ouvir um minuto… Mas sempre […]

Leia mais No poço do fundo

Homem Leão

Pode parecer clichê dizer isso pela centésima vez… Mas na nossa história sempre existirá aquele “talvez”. Estamos tão distantes mas, o sinto tão perto. Depois do abraço de adeus, dele não me desconecto. Quando tento escrever sobre ele, sinto o peso de cada palavra. O tempo é apenas o mistério da nossa jornada. Ele nem […]

Leia mais Homem Leão

The End?

No fundo só queremos voltar a ser crianças…Crianças que não tinham seus corações partidos, sentimentos desequilibrados e sonhos destruídos. Não venha me dizer que isso é culpa minha! Não foi eu quem te matou! Não me condene por ser ingênua e por entregar a minha bondade nas mãos de quem sempre me enganou. Acontece que […]

Leia mais The End?